sábado, julho 20, 2024
spot_img
HomeDestaqueAntonio Emílio e Tikeira participam de reunião com moradores de Santa Luzia

Antonio Emílio e Tikeira participam de reunião com moradores de Santa Luzia

O presidente da Câmara, Antonio Emílio (PPS), e o vice-presidente da Casa, Cabo Tikeira (PV), se reuniram com os moradores do bairro Santa Luzia na noite da última segunda-feira, 23, para ouvir as demandas da população.

Publicidade

Mais de 40 pessoas compareceram à reunião. Instalação de radar, construção de rotatória e pintura da faixa de pedestre perto da Igreja Católica, adequação dos serviços de varrição, retorno do funcionamento da guarita da Polícia Militar e melhoria do sinal de telefonia móvel foram as principais demandas dos moradores.

Publicidade

Durante a reunião, foi colhido um abaixo-assinado solicitando a instalação de um radar eletrônico de forma urgente para o bairro, já que os acidentes são freqüentes, principalmente no trecho próximo à Igreja Católica. “Vamos encaminhar um requerimento e essas assinaturas para o diretor do Departamento de Estradas e Rodagens (DER-ES), Ênio Bergoli, para que as autoridades responsáveis possam tomar uma providência o mais rápido possível, pois de todos os problemas que ouvimos da população, parece que a falta de um radar é o mais grave de todos porque coloca vidas humanas em risco”, destacou Antonio Emílio.

“Nossa proposta é sempre estar próximo à população, pois uma das funções do vereador é essa, ouvir os moradores e fiscalizar o poder público. Saímos satisfeitos da reunião”, afirmou Cabo Tikeira.

Requerimento sobre a varrição – Os vereadores Antonio Emílio e Cabo Tikeira também encaminharam um requerimento solicitando informações ao Executivo sobre o serviço de varrição de rua do bairro Santa Luzia.

No documento, aprovado por unanimidade na sessão do último dia 17, os vereadores solicitam as seguintes informações: se o bairro recebe o serviço de varrição; em caso positivo, quais as ruas atendidas; em caso de resposta negativa, o que impede a realização do trabalho; e qual a posição e o prazo da Prefeitura de Nova Venécia para a resolução do problema.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE