domingo, maio 19, 2024
spot_img
HomeCrimeApós matar médico, suspeito postou fotos e vídeos ostentando com carro roubado...

Após matar médico, suspeito postou fotos e vídeos ostentando com carro roubado da vítima

Carlos Magno Santana é suspeito de matar o médico Aloísio Vieira Silva, de 29 anos, em Montanha.

Após matar o médico Aloísio Vieira Silva, de 29 anos, a facadas, dentro do apartamento dele, no Centro de Montanha, o suspeito, identificado como Carlos Magno Santos Santana, postou vídeos e fotos ostentando com o carro furtado da vítima.

Publicidade

Aloísio Vieira Silva. Crédito: Reprodução / Facebook

Veja vídeo do suspeito ostentando no carro do médico assassinado:

Publicidade

Vídeo mostra entrada e saída de suspeito em apartamento

A Rede Notícia teve acesso a dois vídeos de uma câmera de segurança que mostra o momento em que o suspeito de assassinar o médico Aloísio Vieira Silva, de 29 anos, chega ao apartamento dele. Em outro vídeo, é possível ver o suspeito deixando o apartamento, no Centro de Montanha, e fugindo levando o carro do médico. Ainda não se sabe quando o crime ocorreu, pois a data e hora das câmeras estariam errados. Veja:

Vídeo mostra entrada e saída de suspeito de apartamento de médico assassinado. Crédito: Leitor / Rede Notícia

O crime

O médico Aloísio Vieira Silva, de 29 anos, foi assassinado a facadas, segundo amigos dele que estiveram na cena do crime. O corpo dele foi encontrado na manhã deste domingo (26), no chão do apartamento em que ele morava no Centro de Montanha. O carro dele não foi achado.

A Polícia Militar informou que foi acionada na manhã deste domingo (26) e prosseguiu até o centro de Montanha para verificar uma ocorrência de encontro de cadáver. No local, foi relatado aos militares que amigos de trabalho da vítima estranharam o fato do homem estar atrasado para o trabalho, por isso decidiram ir até a residência onde ele morava, se deparando com ele caído, com sangramento no rosto, já em óbito. A perícia foi acionada e a ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil para investigação.

A reportagem apurou que o médico trabalhava no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e também dava plantões esporádicos no Hospital Municipal de Pinheiros.

Na manhã deste domingo (26), Aloísio estava escalado para o plantão no Samu de Montanha. Ele não apareceu e não atendia às ligações dos colegas, que foram até o apartamento e o encontraram morto.

Procurada pela Rede Notícia, a Polícia Civil informou informou que a perícia foi acionada na manhã deste domingo (26), por volta das 09h30, para uma ocorrência de encontro de cadáver no Centro de Montanha. O corpo da vítima, do sexo masculino, será encaminhado ao Serviço Médico Legal (SML) de Linhares, para ser necropsiado e liberado para os familiares.

Sobre o caso

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE