sábado, abril 20, 2024
spot_img
HomeBrasilDelegado e investigador que trabalhavam com escrivã morta após denunciar assédio são...

Delegado e investigador que trabalhavam com escrivã morta após denunciar assédio são transferidos

Delegado Itamar Cláudio Netto e o investigador Celso Trindade de Andrade são investigados pela Corregedoria

A Corregedoria-Geral da Polícia Civil de Minas Gerais assumiu a condução da investigação que apura as circunstâncias da morte da escrivã Rafaela Drummond, de 31 anos. A morte tratada como “suicídio” ocorreu uma semana depois que ela fez denúncias de assédio moral e sexual e sobrecarga no trabalho. Rafaela trabalhava na DP de Carandaí, cidade mineira da região conhecida como Campo das Vertentes.

Publicidade

Na última sexta-feira (23), o delegado Itamar Cláudio Netto e o investigador Celso Trindade de Andrade, lotados na Delegacia de Carandaí, foram transferidos para a unidade de Conselheiro Lafaiete, na região Central de Minas Gerais. Eles eram superiores da escrivã Rafaela Drumond, que foi encontrada morta na casa onde morava no último dia 9.

Publicidade

Procurada pela Rede Notícia, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informou que, “devido à complexidade da investigação que apura as circunstâncias da morte da escrivã de polícia Rafaela Drumond, a Corregedoria-Geral da Polícia Civil de Belo Horizonte assumiu, de forma exclusiva, a presidência do inquérito policial e do procedimento de investigação disciplinar”.

A Polícia Civil mineira afirma que “as investigações continuarão sendo conduzidas de maneira isenta e imparcial”.

Centro de Valorização da Vida

Caso você esteja pensando em cometer suicídio, procure ajuda especializada como o CVV (Centro de Valorização da Vida) e os CAPS (Centros de Atenção Psicossocial) da sua cidade.

O CVV funciona 24 horas por dia (inclusive aos feriados) pelo telefone 188, e também atende por e-mail, chat e pessoalmente. São mais de 120 postos de atendimento em todo o Brasil.

Sobre o caso

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE