quarta-feira, fevereiro 28, 2024
spot_img
HomeDestaqueEncontro de traficantes rivais motivou tiroteio na festa de São Mateus, diz...

Encontro de traficantes rivais motivou tiroteio na festa de São Mateus, diz polícia

Três pessoas morreram em decorrência do ataque

A Polícia Civil informou que o tiroteio que deixou três mortos na festa de aniversário de São Mateus, decorreu do encontro no evento entre envolvidos no tráfico no Km 35 com envolvidos no tráfico no Km 41, comunidades do interior de São Mateus, que são rivais no tráfico de drogas. Diante do encontro entre os traficantes, começou a troca de tiros entre eles. Pedro Henrique Machado Boa, de 17 anos, morador do Km 41, faleceu no local. Eliomar Neves de Almeida, de 51 anos, também morreu no local vítima de bala perdida. Ricardo Silva Moreira, de 21 anos, suspeito baleado por um PM, morreu no hospital.

Publicidade

Pedro Henrique Machado Boa, de 17 anos, Eliomar Neves de Almeida, de 51 anos e Ricardo Silva Moreira, de 21 anos. Crédito: Reprodução / Montagem Rede Notícia

O crime ocorreu por volta de 2h30 da madrugada, durante o show de Japinha Conde. Um tumulto seguido de uma sequência de tiros resultou em correria, gritaria e desespero. Havia milhares de pessoas no evento, entre elas crianças e famílias inteiras. Muitas, se jogaram no chão para se proteger. Testemunhas ouvidas pela Rede Notícia relataram que ao menos três suspeitos foram vistos correndo com armas nas mãos. De acordo com relatos dessas testemunhas, mesmo com revista pessoal na entrada da festa, criminosos conseguiram entrar no evento armados. A Polícia Civil informou acreditar que os criminosos tenham entrado por uma cerca rasgada, na área do Aeroporto de São Mateus.

Publicidade
Foto mostra dois corpos no chão após tiroteio no Parque de Exposições de São Mateus. Crédito: Leitor / Rede Notícia

Versão da PM

Segundo a Polícia Militar, o crime começou perto de um dos bares da festa, no Parque de Exposição, localizado no bairro Residencial Parque Washington, em São Mateus. Militares foram comunicados por populares haviam dois homem baleados em um bar dentro do evento. Imediatamente as equipes entraram no local e constatou o fato, sendo acionado o Corpo de Bombeiros para o socorro das vítimas, que acabaram evoluindo a óbito ainda no local.

Duas pessoas morreram baleadas no local. Crédito: Leitor / Montagem Rede Notícia

As outras duas vítimas dos disparos e o suspeito, também alvejado, foram socorridos e encaminhados ao Hospital Roberto Silvares. O suspeito morreu no hospital na tarde de domingo (24). A ocorrência foi encaminhada à Delegacia Regional de São Mateus.

Os corpos das vítimas fatais foram encaminhados para o Serviço Médico Legal (SML) de Linhares, para serem necropsiados, e posteriormente liberados para os familiares.

O depoimento de sobreviventes

“Meu Deus, foi um momento assustador”, disse uma adolescente. “Tudo aconteceu atrás de mim e dos meus amigos, muitos tiros, nos jogamos no chão, gente se escondendo debaixo dos carros, só agradecer a Deus pelo livramento”, desabafou uma empresária. “Foi muito desespero”, relata um homem.  Os relatos de como tudo ocorreu se multiplicaram pelas redes sociais durante todo o dia.

Festa continuou após mortes

Mesmo depois das cenas de terror vivenciadas por milhares de pessoas na madrugada deste domingo (24), durante um tiroteio que resultou na morte de três pessoas, a Prefeitura de São Mateus, sem tocar no assunto, divulgou a programação da festa da cidade da noite de domingo, que tinha como estrela principal a cantora Naiara Azevedo. A Prefeitura é a organizadora do evento. Duas pessoas ficaram feridas. Diversas pessoas passaram mal, entre elas, a cantora Japinha Conde, que desmaiou e saiu carregada do palco. O evento não só continuou, como lotou de pessoas.

Vídeo mostra detalhes do tiroteio

Sobre o caso

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE