sábado, abril 20, 2024
spot_img
HomeDestaqueFiéis venecianos contam com Responso de Santo Antônio para achar objetos perdidos

Fiéis venecianos contam com Responso de Santo Antônio para achar objetos perdidos

A oração foi escrita em 1233, pelo Frei Giuliano e é utilizada por muitos católicos. A reportagem traz depoimentos de devotos que conseguiram seus pedidos alcançados, tudo, através da fé, claro!

Reconhecido pela crença popular como santo casamenteiro, Santo Antônio traz mais uma peculiaridade para os devotos do padroeiro: o Responsório de Santo Antônio.

Publicidade

De acordo com os fiéis, uma forma poderosa para encontrar objetos perdidos, é através do Responsório de Santo Antônio, mas que para isso, segundo os católicos, é preciso ter fé.

Publicidade

A oração, geralmente, é realizada junto com a Salve Rainha. Os relatos são muitos, e aqui, separamos alguns deles para mostrar a fé desse povo, padroeiro de Santo Antônio. Confira!

“Meu bloco de nota de produtor rural estava sumido. Eu não conseguia lembrar aonde tinha deixado. Precisava dele agora, para declarar o imposto de renda. Me apeguei na fé, e através da intercessão de Santo Antônio, achei o bloco. Rezei o Responsório, a Salve Rainha e veio em minha cabeça que o bloco estava em uma empresa que eu havia vendido pimenta, e, estava mesmo. Encontrei!”
Solivan Izidoro Ziviani, comerciante e produtor rural

“Sempre tiro minha aliança do dedo, quando vou mexer com alguns produtos mais pesados na limpeza de casa, e tirei a aliança, sumiu, eu não lembrava mais aonde havia colocado, aonde estava. Avisei ao meu marido que nossa aliança estava desaparecida e que, eu já havia procurado muito e nada de achar. Me apeguei na fé, rezei a Salve Rainha e fiz o Responsório de Santo Antônio, pedindo que intercedesse, para que eu achasse a aliança. Deus ouviu minhas orações e, quando sentei no sofá, ela estava no cantinho. Esta oração é muito comum para quem é católico, para nós que somos devotos de Santo Antônio”
Maria Izabel Piva, professora e historiadora
“Meu filho tem cinco anos, ele não era Batizado, mas iniciou o catecismo. Sempre tivemos a vontade de o Batizar, mas somos casados somente no civil. Fizemos um acordo diante de Deus e do padre que, iríamos Batizar o Bryan, mas que casaríamos na igreja também. O Bryan foi Batizado esses dias. Há um bom tempo, procurava o documento de Batismo do meu marido, ninguém sabia em que cidade estava, ele não tinha o papel com ele . Procurei em muitas igrejas de outros municípios e nada. Para casar na igreja, é preciso este documento. Minha mãe sugeriu que eu rezasse para santo Antônio, e foi o que fiz. Acendi a vela e pedi para Santo Antonio me ajudar a achar, ele é um Santo casamenteiro, eu precisava do documento para casar. Depois da oração eu fui dormir, e sonhei que o documento estava em São Gabriel da Palha, eu liguei para lá e, realmente estava. É muita emoção, é muita fé. Minha cunhada já tinha sugerido que estaria lá, mas, meu marido disse que nunca havia morado lá, então não tinha dado importância. Foi através de Santo Antonio, com as bênçãos dele, que agora iremos casar na igreja”
Lorena, o esposo, Gilmar e o filho, Bryan

RESPONSO DE SANTO ANTÔNIO?

O responso de Santo Antônio foi escrito originalmente em latim, em meados de 1233, pelo Frei Giuliano da Spira e tem origem na oração conhecida como “si quaeris miracula”. O nome responso vem da mesma língua e significa justamente “procura por respostas”. Ao longo de centenas de anos, pessoas do mundo todo pediram a intervenção do Santo em momentos de desespero e foram atendidas.

Imagem de Santo Antônio foi esculpida em 1898, pelo italiano Celestino Rizzo
ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE