sexta-feira, abril 19, 2024
spot_img
HomeDestaqueJustiça Eleitoral mantém três vereadores de Nova Venécia nos cargos

Justiça Eleitoral mantém três vereadores de Nova Venécia nos cargos

A Justiça Eleitoral decidiu, nesta sexta-feira (28), manter no cargo, três, dos quatro vereadores de Nova Venécia que estavam com suas candidaturas ameaçadas e correndo o risco de perderem o mandato por possíveis irregularidades na composição de chapas partidárias nas eleições de 2020.

Publicidade

Segundo o chefe do cartório eleitoral de Nova Venécia, Leonardo Guimarães, o juiz da 30ª Zona Eleitoral, Thiago de Albuquerque Sampaio Franco, manteve nos cargos os vereadores Vanderlei Bastos Gonçalves (presidente da Câmara), e Sebastião Macedo, ambos do Solidariedade, e Josias Mendes Machado, do Democracia Cristã, afirmando não encontrar irregularidades nas chapas.

Publicidade

Já a sentença do vereador Pedro Gonçalves, do Podemos, ainda não foi definida e deverá ser divulgada em breve.

Segundo informações, quatro candidatos que ficaram na suplência entendiam que havia a presença de “candidatas laranjas” em alguns partidos e impetraram com as ações. Em paralelo, o Ministério Público de Nova Venécia também ofereceu denúncia à Justiça Eleitoral, com o mesmo princípio.

Nas ações, constam que candidatas à Câmara de Nova Venécia que tiveram votação inexpressiva, além de não terem praticado atos de campanha. No caso do Solidariedade, a ação também apontava que não havia observância e cumprimento de cotas.

Advogado

Em mensagem enviada para A Notícia, o advogado dos suplentes, Edgar Ribeiro da Fonseca, disse que respeita a decisão do magistrado, e destacou acreditar haver provas dos fatos devidamente alegados e que irá recorrer até a última instância.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE