sexta-feira, julho 19, 2024
spot_img
HomeViolênciaMorre empresário baleado na cabeça por ex-funcionário demitido por ele no Norte...

Morre empresário baleado na cabeça por ex-funcionário demitido por ele no Norte do ES

Elissandro Lopes Siqueira tinha 41 anos.

Morreu logo após ser socorrido, o empresário Elissandro Lopes Siqueira, de 41 anos, baleado na cabeça, na manhã de sexta-feira (19), por um ex-funcionário demitido por ele, em Ibiraçu, no Norte do Espírito Santo. A vítima chegou a ser levada para o Pronto Atendimento (PA) de Ibiraçu, onde evoluiu a óbito assim que deu entrada na unidade. A informação foi confirmada pelo titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Aracruz, delegado Leandro Sperandio, através das redes sociais. O corpo da vítima foi encaminhado ao Serviço Médico Legal (SML) de Linhares.

Publicidade

“Passando para informar e demonstrar nossa solidariedade à família do Elissandro, cidadão aracruzense, que estava trabalhando em Ibiraçu e foi vítima de homicídio. Já temos um suspeito, provável autor, indivíduo que foi preso na semana passada, com uma arma, uma motocicleta furtada, drogas e foi solto no dia seguinte na audiência de custódia. Lembrando que ele tinha outras duas prisões por receptação em 2022 e 2021”, disse o delegado.

Publicidade

O crime

Segundo a Polícia Militar, uma equipe prosseguiu até o Pronto Socorro de Ibiraçu, onde um homem de 41 anos havia dado entrada com ferimentos por arma de fogo. No local, testemunhas relataram que o crime teria sido cometido por um funcionário da vítima, que estava trabalhando para ela em uma obra desde quinta-feira (18). No entanto, na manhã de sexta-feira (19), o homem teria sido dispensado do serviço após ser chamado a atenção por ter utilizado um caminhão da vítima de forma irregular.  Em seguida, o suspeito teria se retirado do local, mas voltou armado cerca de 1h mais tarde e efetuou três disparos na cabeça do patrão, se evadindo logo depois em uma motocicleta. Buscas foram realizadas, mas o suspeito não foi localizado no momento do fato.

Procurada pela Rede Notícia, a Polícia Civil informou que o caso segue sob investigação da Delegacia de Polícia (DP) de Ibiraçu. Até o momento, nenhum suspeito foi detido. Segundo a PC, a população tem um papel importante nas investigações e pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, que também possui um site onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas, o disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas.

Sobre o caso

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE