segunda-feira, junho 24, 2024
spot_img
HomeFEMINICÍDIOMulher é assassinada a facadas no quintal de casa e companheiro é...

Mulher é assassinada a facadas no quintal de casa e companheiro é preso em Ecoporanga

Lucimar Saldanha Silva tinha 48 anos. Leonardo Costa Santos, de 45 anos, foi preso em flagrante.

Uma diarista de 48 anos, identificada como Lucimar Saldanha Silva, foi assassinada a facadas na noite deste domingo (2), no quintal de casa, no bairro Teófilo Figueiredo, em Ecoporanga, no Norte do Espírito Santo. O suspeito é o companheiro da dela, Leonardo Costa Santos, de 45 anos, que foi preso em flagrante.

Publicidade

Foto mostra pessoas próximo do casa onde aconteceu o crime. Crédito: Leitor/ portal.redenoticia.es

Segundo a Polícia Militar, por volta de 18h30 a corporação recebeu um chamado pelo Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes), com a informação de que vizinhos ouviram uma briga entre um casal e escutaram a mulher pedindo socorro, e depois viram o companheiro dela saindo com as mãos sujas de sangue e com duas facas na cintura.

Publicidade

No local, os policiais militares encontraram várias manchas de sangue pela casa, e avistaram a mulher caída no quintal do imóvel. Para chegar até o local onde o corpo estava, o filho da vítima que acompanhou os policiais, teve de arrombar um portão que estava trancado com um cadeado. Uma equipe do Samu/192 constatou que Lucimar Saldanha Silva já estava morta. Os socorristas constaram aproximadamente 10 golpes de faca no corpo da vítima, e avisaram aos policiais que acreditavam que a morte havia ocorrido há mais de uma hora.

A Polícia Militar recebeu informações que indicavam que o assassino estaria em um bar no bairro Homero Amante. Uma equipe se deslocou ao endereço, e ao perceber a presença policial, o homem jogou as duas facas em um local ermo e voltou para dentro do bar. Os PMs deram voz de prisão e conduziram Leonardo Costa Santos, de 45 anos, à Delegacia Regional de Barra de São Francisco. Ainda segundo a PM, foram encontradas duas facas no local onde elas haviam sido dispensadas pelo suspeito, sendo que uma delas estava suja de sangue.

Consta na ocorrência que o suspeito estava de posse de dois celulares, sendo que um deles era o da vítima, tirando a possibilidade da mulher ter pedido socorro caso tivesse sobrevivido ao ataque. O homem também estava com R$ 805 em dinheiro vivo, sendo que parte das cédulas estavam manchadas de sangue. No local do crime, os policiais militares relatam que a bolsa da vítima estava revirada.

A Polícia Civil informou que o suspeito, de 45 anos, conduzido à Delegacia Regional de Barra de São Francisco, foi autuado em flagrante por homicídio qualificado cometido contra a mulher por razões da condição de sexo feminino (feminicidio) e por motivo fútil. Após os procedimentos de praxe, ele foi encaminhado ao sistema prisional.

A Polícia Científica informou que o corpo da vítima foi encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Colatina, para ser necropsiado e, posteriormente, liberado para os familiares.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE