domingo, abril 14, 2024
spot_img
HomeDestaquePara matar a saudade: estabelecimentos que fizeram história em Nova Venécia

Para matar a saudade: estabelecimentos que fizeram história em Nova Venécia

Um misto de saudosismo e emoções, é mais ou menos o significado da edição de hoje, de A Notícia. Para lembrar dos velhos tempos e de estabelecimentos que marcaram o desenvolvimento da região, a reportagem traz algumas lojas e locais, que, apesar de não existirem mais, terão sempre espaço nas recordações de muitos venecianos.

Publicidade

Casas noturnas, lojas, lanchonetes e muita informação bacana se encontra nestas páginas. Como forma de um passeio pela história de Nova Venécia, a reportagem resgatou diversos locais, que com certeza, trazem grande forma de memória afetiva para quem vivenciou tudo isto aqui! Divirta-se.

Publicidade

Djalma Trayller Lanches

Um dos lanches mais famosos da cidade, o Djalma Trayller Lanches,
ficou para a história. De início era localizado ao lado da Ponte Cristiano
Dias Lopes, onde hoje está a Praça Adélio Lubiana. Era ali, do ladinho da
ponte que os lanches estilo hambúrguer, com abacaxi no meio, eram servidos.

Inaugurado em 1986, o proprietário Djalma José Belmondes, fazia do
local uma verdadeira casa noturna, com música ao vivo e a transmissão de
jogos. “Fui o segundo a ter TV a Cabo aqui. Já cheguei a ligar oito televisões
na hora de jogos. Lotava, era o point do esporte o meu trayller. Sobre o
famoso hambúrguer com abacaxi, é criação minha e fazia muito sucesso”,
diz Djalma.

As instalações no trayller mudaram de endereço, transferindo para o
lado da rodoviária. Djalma encerrou as atividades no ramo, mas pode ter
certeza, que deixou muita saudade com os lanches apetitosos.


Confira outros estabelecimentos que também fizeram parte da história de Nova Venécia: Foto Estúdio, Pensão Brasil, Bar 1113, Bar Cai e Sara, Bar do Morais, Bar três Corações, Loja José Marciano, Loja do Senhor Waldemarzinho, Armazém Breda, Churrascaria Brazão, Mercearia Pegue e Pague, Casa do Fazendeiro, Cobal, Antigo Mercado Municipal

Anos 50 – Mercado Municipal. Local onde hoje funciona o Banco do Nordeste (em frente praça Jones Santos Neves).
Casa Moreira – Juracy Rolim Pacheco, Luiz José Moreira, o filho, Durval Moreira e José Cesana
Pensão Brasil e Lanchonete Alvorada, que pertencia Rubens Zanelato
Seu Nelson Maciel, Pedro Paixão e José Rodrigues Tosta, primeiros funcionários do Supervisão de Alimentação da Previdência Social (SAPS)
Comércio do seu Waldemar de Oliveira Filho, com uma escadaria que ficou famosa, já que a juventude adorava sentar por ali

REGISTROS FOTOGRÁFICOS
Os registros fotográficos desta edição fazem parte do acervo da Rede Notícia, Cizernandes Pereira Sandes, Foto Avenida, Grupo Nova Venécia, História, Memória e Imagem e de familiares dos empreendimentos

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE