quarta-feira, fevereiro 21, 2024
spot_img
HomeDestaquePaulo Roberto apresenta propostas e garante que terá gabinete aberto em Nova...

Paulo Roberto apresenta propostas e garante que terá gabinete aberto em Nova Venécia, caso eleito

O advogado e atual vice-prefeito de Nova Venécia, Paulo Roberto Alves Damasceno (DC), 51 anos, é mais um postulante a deputado estadual, representando o município, a ser entrevistado por A Notícia.

Publicidade

Casado com Lúcia Possebom da Silva Damasceno e avô do Martin, Paulo Roberto nasceu no Córrego do Onze, na região de São Luiz Rei, interior de Nova Venécia. Ele é filho de Victor Alves Riberio e Edith Damasceno de Oliveira, ambos já falecidos, e tem outros oito irmãos.

Publicidade

Segundo o candidato, de bastidores, ele já milita na política desde os 16 anos, mas como presidente de partido ou fazendo parte de comissão de alguma, já faz cerca de 20 anos.

Disputando sua segunda eleição na vida – a primeira foi em 2020, quando foi eleito vice-prefeito -, ele falou o que o motivou a entrar no páreo por uma das 30 cadeiras da Assembleia Legislativo do Espírito Santo. “Primeiro ponto, é a ausência de representatividade na Assembleia. Nova Venécia, Vila Pavão e Boa Esperança estão há mais de 20 anos sem ter um deputado estadual e isso gera deficiência, a região deixa de evoluir, de crescer, de ser bem representada, perde recursos, serviços que poderiam ser descentralizados e que muitas vezes não vêm por falta de força política. O momento político me oferece a oportunidade, estou exercendo um cargo eletivo e estou em uma sigla que me permite sonhar, que vai eleger um deputado com até 13 mil votos. Eu não entro para perder. Posso até perder, mas entro com chance de ganhar”, falou.

Com o objetivo de aproximar a sociedade do seu mandato, caso eleito, Paulo Roberto afirmou que será um deputado presente. “Terei um gabinete aberto em Nova Venécia, direto, durante a semana com uma pessoa me representando e nos fins de semana, com a minha presença na cidade”, contou.

Defendendo a interiorização da saúde e descentralização dos serviços da capital para a nossa região, o candidato citou suas propostas. “Num primeiro momento, minha proposta é lutar por um hospital regional. Sei que não é um projeto muito rápido, então, vou trabalhar simultaneamente, no sentindo de lutar com o governador eleito que compre serviços de clínicas particulares ou hospitais da região. Temos bons ortopedistas, por exemplo, mas que não atendem pelo SUS, então, se o Estado compra seus serviços, uma pessoa que precisa fazer uma ressonância, não vai mais precisar sair daqui pra ir a Vitória ou outro município. O custo do Estado para levar é praticamente o mesmo custo para comprar e temos clínicas com capacidade para isso”, falou Paulo Roberto.

Cesan
“Um segundo ponto que será defendido, é buscar junto à Cesan, a redução da tarifa de esgoto. Há varias jurisprudências que entendem que acima de 50%, ela se torna abusiva. Ela é legal, está dentro da Lei, mas vários lugares não entendem dessa forma. Se a Cesan e o Governo reduzissem para 50%, estaria legal e não abusiva”.

BR 342
“Terceiro projeto é uma defesa que vou fazer em relação ao retorno das obras da BR 342, que sei que é um projetp federal, mas essa obra está parada há 22 anos e precisamos de uma resposta do DNIT, do Ministério de Infraestrutura, dos órgãos competentes. Precisamos ter a informação, porque se fizer uma rápida pesquisa no Google, existe a rodovia asfaltada, então, precisamos buscar mecanismos para resolver isso”.

Educação
“Defendo o cumprimento da Legislação no sentindo da obrigatoriedade de bidocentes para todos os alunos portadores de Transtorno Espectro Autista ou qualquer outro espectro mental. Acho que toda escola do Estado deveria ter um bidocente para acompanhar um portador de deficiência, e a Lei não é cumprida na sua integralidade. Dar uma atenção especial para uma educação inclusiva, garantindo ao aluno portador de alguma deficiência, o mesmo tratamento que aluno que não tem. Ele tem que participar das atividades, mesmo com suas limitações, através de docentes, assistente social e psicólogo nas escolas, uma equipe multidisciplinar, para atender alunos e os próprios docentes, porque lidar com pessoas, acaba se estressando, desenvolvendo algum tipo de doença psicossomática. O ideal é que todas as escolas tenham essa equipe, e o programa do Estado faz visita, acompanhamento on-line”.

Segurança
“A polícia deve ser melhor equipada com meios de fazer perícia. Demoramos para periciar um celular, para colher uma digital, por exemplo. Ainda não temos esses recursos, principalmente, no interior. Nossa região precisa ser mais bem equipada. Precisamos, também, valorizar o agente de segurança pública em todas as patentes, tanto salarial, como o plano de carreira. Será uma discussão que quero levar”.

Infraestrutura
“Uma defesa minha, será a infraestrutura dos bairros de Nova Venécia, principalmente, o Aeroporto. Não temos esgoto ainda, agora que vão lançar o edital, mas vai ficar faltando a pavimentação. Também vamos olhar por melhorias em toda região, tanto no campo, como na cidade”.

Agricultura
“Nossos agricultores têm recebido muito pouco daquilo que o Estado pode oferecer. Temos que ter um incentivo à fruticultura, à psicultura, distribuição gratuita de sementes, fortalecimento do Incaper e de órgãos responsáveis por pesquisas, facilitação de linhas de crédito para pequeno, médio e grande produtor rural”.

Geração de emprego e renda
“Também vamos incentivar a geração de emprego e renda, os microempreendedores e os empreendedores virtuais, com facilitação de crédito para fomentar o comércio”.

Apoio
“Gostaria de anunciar meu apoio a Guerino Zanon para a disputa ao Governo do Estado. Em um primeiro momento, porque é o mais próximo da região, é do Norte. Em um segundo momento, pelo gestor que é, o homem que mudou a história de Linhares, onde foi prefeito em cinco oportunidades e transformou o município, tornando a melhor cidade do Espírito Santo para se morar e investir, sendo a que mais gera emprego e renda, gerando 40 mil empregos nos últimos 20 anos. Ele Já mostrou na prática que sabe fazer gestão e, por isso, eu o escolhi”.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE