quinta-feira, abril 18, 2024
spot_img
HomeCrime BrutalPerícia aponta que dentista foi assassinado com tiro na cabeça em São...

Perícia aponta que dentista foi assassinado com tiro na cabeça em São Mateus

Edgleyson Abrão da Silva, de 28 anos, foi visto pela última vez na madrugada de sábado (18), acompanhado do namorado, a mãe do namorado e um casal de primos do namorado em São Mateus; corpo dele foi achado nesta segunda-feira (20).

A Polícia Civil informou nesta terça-feira (21), que o exame perinecroscópico, realizado no local onde o corpo do dentista Edgleyson Abrão da Silva, de 28 anos, foi encontrado na tarde de segunda-feira (20), em uma área de restinga, em Guriri, indica que se trata de um homicídio por arma de fogo. A reportagem apurou que havia marca de tiro na cabeça do dentista.

Publicidade

Edgleyson Abrão da Silva, de 28 anos. Crédito: Reprodução / Instagram

Por nota, a corporação detalhou que a perícia foi acionada na tarde desta segunda-feira (20), por volta das 17h40, por um investigador, para uma ocorrência registrada inicialmente como encontro de cadáver, em Guriri, São Mateus. No exame perinecroscópico, realizado no local do crime, foi constatado que se trata de um homicídio por arma de fogo. Devido ao avançado estado de decomposição do corpo, este foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória, para identificação por meio de exame de DNA e para a realização do exame cadavérico, que determinará a causa da morte. O veículo da vítima, localizado incendiado na manhã do último domingo (19) em Guriri, São Mateus, foi encaminhado ao pátio credenciado do Detran e periciado.

Publicidade
Carro do dentista foi encontrado abandonado e incendiado em uma estrada rural nas Meleiras, Zona Rural entre Conceição da Barra e São Mateus. Crédito: Leitor / Rede Notícia

Ainda segundo a nota da Polícia Civil, equipes da Delegacia de Infrações Penais e Outras (Dipo) de São Mateus realizaram georreferenciamento no local onde foram encontrados o corpo, o carro e outras evidências, constatando que se trata da localidade de Meleiras, zona rural de Conceição da Barra. O caso será encaminhado à Delegacia de Polícia de Conceição da Barra para dar continuidade às investigações. Até o momento, nenhum suspeito foi detido. Informações podem ser compartilhadas de forma sigilosa por meio do Disque-denúncia (181). Essas informações podem ser cruciais para o avanço das investigações.

Carro do dentista foi encontrado abandonado e incendiado em uma estrada rural nas Meleiras, Zona Rural entre Conceição da Barra e São Mateus. Crédito: Leitor / Rede Notícia

O desaparecimento

Edgleyson Abrão da Silva, de 28 anos, estava desaparecido desde a madrugada de sábado (18), quando saiu de um barzinho em Guriri acompanhado do namorado, a mãe do namorado e um casal de primos do namorado. Em entrevista a este jornal, a mãe do namorado do dentista assassinado deu sua versão da história.

Professora, moradora de Jaguaré, a mãe do suposto namorado disse que saiu do barzinho em Guriri no próprio carro e foi direto para o prédio onde fica o apartamento Edgleyson, a quem ela chamou de “amigo”. Segundo ela, ao chegar no edifício, teve de aguardar alguns minutos, quando Edgleyson e o seu filho, chegaram no carro do dentista. Antes, eles teriam passado em um endereço de São Mateus para deixar um casal (morador de Linhares) que seria parentes dela e do suposto namorado do dentida. Em seguida, ela entrou no apartamento, e Edgleyson e o filho dela teriam saído novamente no carro do dentista. O relato da mãe do suposto namorado do dentista desaparecido, dá conta de que quem saiu dirigindo o carro do odontólogo após sair do bar em Guriri foi o próprio Edgleyson, contestando a versão dada pela prima.

Ainda segundo a versão da mãe do suposto namorado do dentista, o filho dela contou para que após saírem novamente na madrugada de sábado (18), dentro do carro, Edgleyson teria pedido um beijo, e que ele teria negado. Edgleyson teria se irritado, parado o carro e o filho dela teria descido. Ela contou ainda que ao questionar o filho sobre o desaparecimento do dentista amplamente divulgado na imprensa, que o filho deu essa versão acrecentando que também não sabe o que aconteceu após essa suposta versão dada por ele.

Questionada, a mulher contou que o filho mora na casa do pai. Que quando perguntado sobre onde estaria o dentista, que o filho dela disse não saber. Disse ainda estar vivendo “um pesadelo”, que esperava que Edgleyson fosse encontrado vivo. Disse ainda estar à  disposição da Polícia Civil para contribuir nas investigações.

Segundo o portal REDENOTÍCIA.ES apurou, o corpo do dentista foi achado na mesma região em que o carro foi encontrado, porém, na beira-mar, em meio a restinga. O carro de Edgleyson foi encontrado incendiado na manhã de domingo (19), em uma estrada rural na região conhecida como Meleiras, na Zona Rural de Conceição da Barra.

Carro do dentista foi encontrado abandonado e incendiado em uma estrada rural nas Meleiras, Zona Rural entre Conceição da Barra e São Mateus. Crédito: Leitor / Rede Notícia

Restinga é um tipo de ecossistema costeiro composto por vegetação de baixa altura, como arbustos e gramíneas, que se desenvolve em solos arenosos. Sua importância está relacionada à proteção das praias contra a erosão, à preservação da biodiversidade e à manutenção dos recursos hídricos.

Carro do dentista foi encontrado abandonado e incendiado em uma estrada rural nas Meleiras, Zona Rural entre Conceição da Barra e São Mateus. Crédito: Leitor / Rede Notícia

Sobre o caso

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE