segunda-feira, abril 15, 2024
spot_img
HomeBrasilPolícia investiga assédio no trabalho após escrivã ser encontrada morta

Polícia investiga assédio no trabalho após escrivã ser encontrada morta

Antes de sua morte, Rafaela trabalhava na cidade de Carandaí (MG) e protocolou uma série de denúncias incluindo assédio moral, assédio sexual, pressão psicológica e sobrecarga no ambiente de trabalho.

A Polícia Civil de Minas Gerais está conduzindo uma investigação sobre a morte da escrivã Rafaela Drumond, de 31 anos. A tragédia ocorreu uma semana depois que ela fez denúncias de assédio e sobrecarga de trabalho.

Publicidade

Rafaela foi encontrada morta pelos pais na última sexta-feira (9), em um distrito da cidade de Antônio Carlos, na região conhecida como Campo das Vertentes, em Minas Gerais. De acordo com o Registro de Eventos de Defesa Social da Polícia Militar (REDS), o caso foi registrado como suicídio.

Publicidade

Antes de sua morte, Rafaela trabalhava na cidade de Carandaí (MG) e protocolou uma série de denúncias no Sindep-MG (Sindicato dos Escrivães da Polícia Civil de Minas Gerais), incluindo assédio moral, assédio sexual, pressão psicológica e sobrecarga no ambiente de trabalho.

Áudios vazados nas redes sociais revelaram a vítima detalhando episódios de perseguição dentro da instituição, o que levou à abertura de um inquérito para investigar o caso.

O Sindep-MG confirmou o recebimento das denúncias, mas mantém o conteúdo em sigilo.

Em comunicado, a Polícia Civil informou que iniciou um procedimento disciplinar e um inquérito policial sobre o assunto. Além disso, ressaltou que oferece suporte aos servidores por meio do Centro de Psicologia do Hospital da Polícia Civil, que oferece sessões presenciais e teleconsulta.

Centro de Valorização da Vida

Caso você esteja pensando em cometer suicídio, procure ajuda especializada como o CVV (Centro de Valorização da Vida) e os CAPS (Centros de Atenção Psicossocial) da sua cidade.

O CVV funciona 24 horas por dia (inclusive aos feriados) pelo telefone 188, e também atende por e-mail, chat e pessoalmente. São mais de 120 postos de atendimento em todo o Brasil.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE