quinta-feira, maio 23, 2024
spot_img
HomeInvestigaçãoPolícia investiga quadrilha que roubou 22 armas e milhares de munições de...

Polícia investiga quadrilha que roubou 22 armas e milhares de munições de clube de tiro no ES

Veja o que se sabe do crime

A Polícia Civil investiga o assalto a um clube de tiro na tarde de segunda-feira (8), em Domingos Martins, cidade da Região Serrana do Espírito Santo. Foram levados 22 armas,  mais de 47 mil munições de diferentes calibres, além de pertences das vítimas. Nesta quarta-feira (10), a polícia encontrou o  Fiat Strada das vítimas do roubo, e outro veículo, um Toyota Etios usado pelos criminosos em uma região de mata em Marechal Floriano.

Publicidade

Carros usados por bandidos foram encontrados em Marechal Floriano na quarta-feira (10). Crédito: Polícia Civil

A Polícia Militar informou que durante o patrulhamento na região de Ponto Alto, Domingos Martins, na tarde da última segunda-feira (8), policiais militares foram acionados, via rádio, para prosseguir a um estande de tiros, onde segundo informações passadas pela solicitante, o estabelecimento havia sido roubado por quatro homens armados.

Publicidade

“No local, a equipe manteve com um casal que relatou que por volta das 10h o interfone da casa deles tocou. A mulher saiu para ver quem era e quando ela se aproximou da porteira viu um homem, que logo se identificou como oficial de Justiça. Neste momento, o morador estava se aproximando da esposa e o suspeito, rapidamente, sacou uma pistola e rendeu as duas vítimas dizendo para que não reagissem”, informou a PM.

De acordo com a PM, “o homem foi algemado com os braços para trás e teve a arma apontada para sua cabeça. Em seguida, mais três indivíduos saíram de um carro branco parecido com um veículo que estava de frente da porteira de entrada do clube de tiros”.

“Um desses homens cortou a energia elétrica e o restante entrou rapidamente no pátio do estande de tiro. O morador os levou até a sua casa onde estava o cofre e de lá foi roubado, juntamente com todas as documentações (registros) referentes às armas, uma espingarda calibre 12, um revólver calibre 357, dois rifles de ferrolho calibre 22, uma caixa de som, um smartwatch, cinco facas e três celulares”, informou a Polícia Militar.

Posteriormente, os indivíduos pediram às vítimas que seguissem até o estande de tiros, onde foram colocados os moradores na pista de tiro, que fica totalmente fechado, e, possivelmente, seguiram direto para o cofre onde estavam as armas do estande, sendo levados aproximadamente 15 quilos de pólvora, 4.000 projéteis calibre 380, 4.455 projéteis calibre 9mm, 6.000 projéteis calibre 38, mil projéteis calibre .40, 19.445 espoletas, 6.886 munições calibre 22, 380 munições calibre 36, 686 munições calibre 12, 615 munições calibre 380, 430 munições calibre .40, 1.836 munições calibre 38, 550 munições calibre .45, 813 munições calibre 357.

Uma carabina calibre .40, dois revólveres calibre 38, um revólver calibre 357, uma pistola calibre .45, uma pistola .40, uma pistola 9mm, uma pistola calibre 380, uma pistola calibre 380, uma espingarda calibre 36, uma espingarda calibre 12, cinco carabinas calibre 22, um revólver calibre 22, uma carabina calibre 357, uma máquina completa para recarga de munições, documentos pessoais e cartões de créditos, HD, um computador e um veículo.
As vítimas tiveram que quebrar a parede do estande de tiro para poderem sair do local onde estavam presas. Segundo a PM, buscas foram realizadas, mas ninguém foi detido. A Perícia da Polícia Científica foi acionada.

Carros encontrados em Marechal

A Polícia Civil, por meio da equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Domingos Martins, em conjunto com a 6ª Companhia Independente da Polícia Militar informou que apreendeu, na quarta-feira (10), um veículo Toyota Etios, utilizado por suspeitos de roubarem um estande de tiros na última segunda-feira (8), na região de Ponto Alto, Domingos Martins. O veículo das vítimas, uma Fiat Strada, também foi recuperado. Os veículos estavam abandonados em uma área de mata às margens da rodovia BR 262, na região de Santa Maria, em Marechal Floriano. Nenhum suspeito foi detido.

Segundo a PC, as investigações estão em curso na busca da identificação dos envolvidos. “Até o momento, não foi identificado nenhum suspeito, e não há indícios de que o caso possa ter relação com o arrombamento de uma loja de armas ocorrido no mesmo dia no município de Marechal Floriano”, disse o delegado Geraldo Peçanha, titular da Delegacia de Polícia (DP) de Domingos Martins e Marechal Floriano.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE