sábado, fevereiro 24, 2024
spot_img
HomeDestaquePrefeitura e Estado assinam ordens de serviço em Jaguaré

Prefeitura e Estado assinam ordens de serviço em Jaguaré

Na manhã desta quarta-feira, 31, o Governo do Estado, por meio das secretarias de Economia e Planejamento e Gestão e Parcerias, e a Prefeitura de Jaguaré assinaram ordens de serviço para as obras de instalação de infraestrutura do Centro Empresarial de Barra Seca e do Emissário de Tratamento de Esgoto – EEE do Bairro Irmã Tereza até o Córrego Jundiá.

Publicidade

O evento contou com a presença da secretária estadual de Planejamento Maria Emanuela Alves Pedroso, do subsecretário de Gestão e parcerias Fabrício Pancotto, do prefeito Marcos Guerra, o vice-prefeito Elder Sossai, os vereadores Ricardo Barros, Tadeu da Farmácia, Tião Soprani e Penha Bettin, além de vários secretários municipais.

Publicidade

Polo industrial

As obras no Centro Empresarial de Barra Seca vão contemplar o calçamento e a infraestrutura em uma área de 10 alqueires, avaliados em R$ 5.648.013,40 (cinco milhões, seiscentos e quarenta e oito mil, treze reais e quarenta centavos). Após pronto e funcionando, o Centro Empresarial será uma forma de atração e instalação de empresas para o município gerando postos de trabalho.

“O estabelecimento do polo industrial em Barra Seca vai influenciar diretamente e de forma positiva no desenvolvimento de Jaguaré. Estamos em busca de grandes projetos empresariais para gerar cada vez mais empregos e renda. Nosso foco é acelerar o desenvolvimento do município e preparar a cidade para um salto de crescimento nos preparando também em relação à qualidade de vida do jaguarenses. Por isso, em breve, vamos alcançar 80% de esgoto tratado em todo o município”, afirmou o prefeito Marcos Guerra.

A secretária de Economia e Planejamento, Emanuela Pedroso destacou a boa relação da Prefeitura de Jaguaré com o Governo do Estado que permite ações de desenvolvimento para Jaguaré e região. “Todo esse investimento só é possível devido ao fato de que o município está totalmente organizado e isso possibilita a geração de emprego e renda e o desenvolvimento do município. O ambiente no município está muito bem organizado, a Prefeitura se preparou com projetos. Então tudo isso permite a viabilização de obras importantes como essas que estamos dando ordens de serviço no dia de hoje”, ressaltou Emanuela.

Emissário

Outra obra fundamental e importante para o município é tratar o esgoto gerado pela população. Hoje, Jaguaré trata menos que 5% do esgoto produzido. A implantação do Emissário com Estação Elevatória – EEE, que terá 2 km e 300 metros de extensão e vai ligar a Estação de Tratamento de Esgoto – ETE, No Bairro Irmã Teresa atrás do Estádio Conilon até o trecho da Fazenda Camata, no Córrego Jundiá.

Essa obra tem o valor de R$ 2.278.556,95 (dois milhões, duzentos e setenta e oito mil, quinhentos e cinquenta e seis reais e noventa e cinco centavos) e representa a fase final de todo processo: o Emissário envia o esgoto para a ETE, onde é feito o tratamento do esgoto e o efluente tratado será bombeado até o Córrego Jundiá. Junta-se a essa obra, a construção da Estação de Tratamento de Esgoto, que está em fase final e a obra da Elevatória do Novo Tempo com a linha de recalque, todo o processo totaliza mais de 10 milhões de reais.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE