domingo, maio 26, 2024
spot_img
HomeDestaqueRede municipal de ensino de Nova Venécia retorna às aulas 100% presenciais...

Rede municipal de ensino de Nova Venécia retorna às aulas 100% presenciais a partir de 08 de novembro

A Prefeitura de Nova Venécia, por meio da Secretaria Municipal de Educação, anunciou, na manhã desta quarta-feira (27), em reunião com os diretores escolares, que o fim do revezamento dos estudantes na escolas municipais acontece no próximo dia 08 de novembro.

Publicidade

Com base na Portaria Conjunta SESA/SEDU, Nº 07 – R, de 06 de outubro de 2021, e avais do Conselho Municipal de Educação e da Comissão de Gestão Escolar Pró Educação e Saúde (CGESNV), as escolas da rede voltam a receber todos os alunos em suas dependências, conforme o previsto na Resolução Nº19, de 2009, do Conselho Municipal de Educação, exceto nas creches de tempo integral que permanecem com atendimento em tempo parcial.

Publicidade

O prefeito, André Fagundes, que fez o anúncio enquanto participava da inauguração da Sala de Recursos no CMEI Luzia Alves de Lima, comemorou. “Quero parabenizar a Secretaria Municipal de Educação e toda sua equipe que realizou esse planejamento para que pudéssemos retomar as aulas de forma presencial, sem rodízio, todos os alunos na sala de aula ao mesmo tempo e aprendendo de maneira uniforme e com equidade”, disse.

Algumas medidas de biossegurança, presentes na Portaria conjunta SEDU/SESA Nº 01-R, de 08 de agosto de 2020, devem continuar sendo cumpridas, pois não foram revogadas pela Nº 07 – R, como o uso de máscaras, a higienização dos ambientes, o uso do álcool, o distanciamento no horário do recreio, a disposição de termômetros para aferir a temperatura, o uso da garrafinha individual, o não compartilhamento de materiais, entre outras.

O retorno presencial é facultativo para estudantes com comorbidades ou deficiências. Para o transporte escolar, as medidas não se diferenciam muito. Os estudantes poderão sentar lado a lado, mas o uso de máscara e de álcool continua.

Durante a reunião, que contou, também, com a participação do secretário de Saúde, Juliano Bettim Motta, foi confirmada a já anunciada vacinação no ambiente escolar para a faixa etária dos alunos entre 12 e 17 anos, mediante autorização dos responsáveis. Outra ação ratificada pelo secretário foi a testagem de 20% dos estudantes em cada escola, além da testagem rápida em casos de síndrome gripal.

Quanto ao processo de ensino-aprendizagem, a secretária de Educação, Wanessa Sechim, reafirmou aos diretores escolares que o planejamento de retomada vem sendo rigorosamente executado, graças ao comprometimento de todos os profissionais. “Após a análise dos resultados da Avaliação Diagnóstica dos alunos, os professores construíram o Plano de Intervenção Pedagógica (PIP), elencando os conteúdos essenciais para a continuidade dos estudos e para recuperação dos conteúdos não aprendidos. Os supervisores e a equipe escolar vão auxiliar professores e alunos nesse processo e contam com as famílias, pais ou responsáveis no incentivo aos filhos, garantindo que eles não faltem as aulas, exceto por motivos de saúde”, falou a secretária..

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE