sexta-feira, julho 12, 2024
spot_img
HomeNorte do ESSete pessoas são presas com drogas e armas em Pinheiros

Sete pessoas são presas com drogas e armas em Pinheiros

Confira os detalhes

A Polícia Civil por meio da Delegacia de Polícia (DP) de Pinheiros, em ação conjunta com a Polícia Militar, deflagrou uma operação policial nesta segunda-feira (1º) que resultou  na prisão de sete pessoas envolvidas no tráfico de entorpecentes e na apreensão de três armas de fogo, drogas e material para embalo de entorpecentes.

Publicidade

Mais uma arma aprendida. Crédito: PCES/ PMES

No início da manhã, as equipes prosseguiram ao bairro Dominiciano, no município de Pinheiros, para cumprimento de mandado de busca e apreensão. No local, os policiais avistaram três indivíduos em atitude suspeita, que ao perceber a presença policial, tentaram fugir pulando pela janela dos fundos do prédio. Durante a tentativa de entrada no local, a equipe foi retardada por um suspeito de 26 anos, que demorou a abrir a porta travada com uma estrutura de metal.

Publicidade

Nesse intervalo, os indivíduos conseguiram evadir-se, deixando para trás uma arma de fogo calibre .38, municiada com seis munições, encontrada em cima do telhado da casa ao lado e, aproximadamente 80 pedras de crack, jogadas no chão da casa, além de outras 57 embaladas e prontas para comercialização e vasto material para embalagem de entorpecentes.

Durante as buscas nas residências próximas, foram encontrados e presos três indivíduos, de 23, 22 e 18 anos, que invadiram uma residência vizinha na tentativa de escapar da equipe policial. Uma mulher, de 23 anos, que se identificou como responsável pelo imóvel durante as buscas, também foi presa.

Segundo o delegado Jameson Amaral, titular da Delegacia de Polícia de Pinheiros, durante a ação foram detidos um homem de 22 anos, considerado gerente do tráfico de drogas no bairro Dominiciano.

Na delegacia, os suspeitos de 23, 22 e 18 anos, foram autuados em flagrante por crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e associação para o tráfico de drogas e encaminhados ao presidio. “Percebemos que duas das pessoas detidas eram usuárias de drogas e, após prestarem esclarecimentos, elas foram liberadas”, disse o delegado Jameson Amaral.

Em continuidade ao cumprimento do mandado de busca e apreensão, durante a confecção da ocorrência, foi averiguada a informação de que o conduzido de 22 anos havia pedido a um amigo para guardar uma arma de fogo. Diante dessa informação, a equipe deslocou-se até a residência do indivíduo, também no bairro Dominiciano, que admitiu ter guardado um revólver calibre .32 com 10 munições intactas a pedido do amigo. O homem permitiu a entrada dos policiais e entregou a arma.

Ele foi conduzido à Delegacia de Pinheiros, onde foi autuado por posse irregular de arma de fogo e, após pagar a fiança arbitrada, foi liberado.

Ainda, durante o deslocamento para a Delegacia, os policiais receberam a informação de que uma mulher, que faz parte do grupo criminoso, estaria portando uma pistola no interior de um veículo de transporte por aplicativo, com o intuito de levar a arma para outra cidade. O veículo foi localizado e abordado no bairro Vila Verde. No interior do veículo, foi encontrada com a passageira de 25 anos, uma pistola Glock G25, calibre 380, com 20 munições. A mulher é namorada de um dos envolvidos.

A passageira do veículo, assumiu a propriedade da arma de fogo e alegou aos policiais que foi obrigada a tirar a arma de fogo do bairro Domiciano, devido à ação policial. “Na delegacia, a detida não disse quem determinou que ela retirasse a arma e fogo do bairro Domiciano, e foi autuada por porte ilegal de arma de fogo. Como não pagou a fiança arbitrada, ela foi encaminhada ao Centro de Detenção Provisória”, confirma o delegado Dr. Jameson Amaral.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE