domingo, fevereiro 25, 2024
spot_img
HomeDestaqueVereadores se solidarizam com situação de Pedro Gonçalves: “Ele não deve nada...

Vereadores se solidarizam com situação de Pedro Gonçalves: “Ele não deve nada e está perdendo a vaga por conta do partido”

O vereador Dega do Altoé (PDT) deixou claro a sua indignação, a respeito do assunto: “Há um ano atrás, chegou um cidadão aqui, que assumiu a vaga do Pedro. Ele falou que aqui só tinha analfabeto. Agora, o Pedro vai perder o mandato e pagando por culpa deste cidadão. O Pedro está pagando por erro do Partido, não dele”, fala.

Publicidade

O parlamentar Jorge Machado (DC), mostrou sua solidariedade. “Nosso colega, Pedrinho, está passando por um momento difícil, ele lutou até agora, mas, creio que não o teremos aqui mais. Já passei por isso, de forma menor, mas, passei. E o erro não tem com a gente, é coisa do partido. O Pedrinho é um parceiro, um companheiro, vai fazer falta”.

Publicidade

O vereador Anderson Salvador (MDB) falou sobre o caso também: “O Pedro não teve culpa alguma, infelizmente, está sendo penalizado. Já demonstrei em minhas redes sociais, minha solidariedade a ele. Já fui presidente de partido e, sei da responsabilidade que carregava. Antes de se filiar a um partido, é importante analisar quem é o presidente e quem está à frente, vejam primeiro quem são as pessoas, pois muitos, não querem e nem são responsáveis, estão ali só por conta do poder”, declara.

Os discursos foram realizados na última sessão ordinária, dia 1º.

Entenda o caso

Em sessão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES) realizada no último dia 24 foi confirmada a cassação da chapa de vereadores lançada pelo Podemos em Nova Venécia, nas eleições de 2020, por fraude à cota de gênero pelo partido. Com isso, o vereador Pedro Henrique Pestana Gonçalves (Podemos) perde o mandato e a Justiça Eleitoral vai realizar um novo cálculo do quociente eleitoral para redefinir a composição da Câmara do município, eleita em 2020.

O TRE-ES confirmou a anulação dos votos de todos os candidatos da chapa do Podemos para vereador e a realização do novo cálculo do quociente eleitoral em Nova Venécia. Isso só vai ocorrer depois que não couber mais recursos contra a decisão e o vereador poderá entrar com recurso ainda no cargo, segundo informou a assessoria do TRE-ES.

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE