domingo, abril 14, 2024
spot_img
HomeCrime"Vou te matar", disse suspeito antes assassinar a ex em Ecoporanga

“Vou te matar”, disse suspeito antes assassinar a ex em Ecoporanga

Ailton Ferreira dos Santos é suspeito de matar a ex-companheira Marta Evangelista dos Anjos Souza.

Uma mulher foi morta a facadas na noite desta terça-feira (13), dentro da casa onde morava, no bairro no bairro Teófilo Figueiredo, em Ecoporanga. A vítima é Marta Evangelista dos Anjos Souza. O suspeito do crime é o ex-companheiro da mulher, Ailton Ferreira dos Santos, que tirou a própria vida após o crime. A Rede Notícia conversou com a filha de uma vizinha da vítima na manhã desta quarta-feira (14).

Publicidade

Segundo ela, Marta estava separada do suspeito já há algum tempo, no entanto, ele continuava frequentando o local. Momentos antes do crime, a vítima brincou com uma criança neto de uma vizinha na rua. Em seguida, o suspeito chegou na casa da mulher, onde logo começou uma discussão. O suspeito teria gritado que iria matar a vítima e ela teria respondido que ‘poderia até morrer mas que também mataria ele’.

Publicidade

Quando estavam juntos, o suspeito teria construído uma varanda na casa da mulher, e após a separação, ele passou a cobrá-la pelo suposto serviço prestado. Esse teria sido o início do embate que terminou em tragédia nesta terça-feira (13).

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado como feminicídio, seguido de suicídio por arma branca. O corpo da mulher, de 48 anos, foi encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Colatina, para ser necropsiado e, posteriormente, liberado para os familiares. O homem, de 56 anos, havia sido socorrido para o Hospital, porém evolui a óbito. Sendo o corpo encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Colatina, para ser necropsiado e, posteriormente, liberado para os familiares. O caso segue sob investigação da Delegacia de Polícia de Ecoporanga, para elucidar as circunstâncias do ocorrido e a motivação.

O crime

Segundo a Polícia Militar, na noite desta terça-feira (13), a corporação recebeu um chamado dando conta de que estava ocorrendo uma discussão entre um casal, e que após a confusão, houve um silêncio na residência. Ao chegarem no endereço, os policiais militares chamaram no portão, mas como ninguém atendia, a entrada foi arrombada. No interior da casa, os PMs encontraram o suspeito (Ailton) caído no chão do banheiro com vários ferimentos, traqueia cortada e perfurações de arma branca na região do peito.

De acordo com a Polícia Militar, a mulher estava caída no chão debaixo do suspeito. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu/192) foi acionado e constatou o óbito da vítima no local. O homem chegou a ser socorrido para o Hospital Dr. Alceu Melgaço Filho, em Barra de São Francisco, onde morreu ao dar entrada na unidade.

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado como feminicídio, seguido de suicídio por arma branca. O corpo da mulher, de 48 anos, foi encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Colatina, para ser necropsiado e, posteriormente, liberado para os familiares. O homem, de 56 anos, havia sido socorrido para o Hospital, porém evolui a óbito. Sendo o corpo encaminhado para o Serviço Médico Legal (SML) de Colatina, para ser necropsiado e, posteriormente, liberado para os familiares. O caso segue sob investigação da Delegacia de Polícia de Ecoporanga, para elucidar as circunstâncias do ocorrido e a motivação.

Sobre o caso

ARTIGOS RELACIONADOS
Anuncie Aqui!
Publicidade

EM DESTAQUE